A Educação Digital pode capacitar a vida de jovens em qualquer lugar

02 Dez 2021



Depois de um ano e meio a braços com uma pandemia, é inegável que os dispositivos tecnológicos e digitais oferecem uma estratégia de longo prazo para a educação, com igualdade de acesso e inovação como pano de fundo.

No seguimento de uma transição digital que atinge quase todas as empresas e Estados, é urgente ter cidadãos qualificados para responder e atuar de maneira adequada na sua vida pessoal, escolar e profissional. Fazê-lo de forma eficaz significa formar pessoas ao longo da vida - especialmente numa idade jovem.

Em países desfavorecidos, os benefícios da educação digital são mais evidentes do que em países privilegiados. Mas implementar este modelo é também muito mais difícil. Na maioria das vezes, as empresas e instituições têm um papel crucial em ajudar os Estados por todo o mundo a cumprir esses padrões. É por isso que a Intel, a jp.ik, a Millennium@EDU e a ALECSO decidiram agir.

Desde o primeiro semestre de 2021, a Intel, a jp.ik, a Millennium@EDU e a ALECSO uniram forças, distribuindo mais de 4.000 dispositivos para alunos e quase 100 dispositivos para professores no Djibuti. Estas quatro instituições não estão apenas a equipar alunos e professores do referido país com tecnologia desenhada especificamente para educação, mas também a capacitar professores e técnicos para se adaptarem a um modelo de educação mais sustentável.

A Intel, a jp.ik, a Millennium@EDU e a ALECSO acreditam que criar um mundo mais responsável, inclusivo e sustentável, viabilizado através de tecnologia e ações coletivas,fazer a diferença.

Jorge Sá Couto, Presidente da jp.ik, afirma que “não há dúvida de que a transição digital transforma a nossa sociedade e economia, mas o que realmente impulsiona a jp.ik é o impacto que a educação - especialmente a educação digital - pode ter na vida desses jovens. Queremos que todos os alunos tenham acesso e formação para o que quiserem, independentemente do país de origem - em particular as mulheres jovens que, muitas vezes, enfrentam obstáculos adicionais para alcançar a igualdade de tratamento e oportunidades”.

Mário Franco, Fundador e Presidente da Millennium@EDU SUSTAINABLE EDUCATION, afirma que “A Millennium@EDU SUSTAINABLE EDUCATION está empenhada em contribuir para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), em particular, na obtenção de resultados e conquistas relacionados com o ODS4 Educação de Qualidade, em metas específicas, a saber “Meta 4.4 - Competências técnicas e vocacionais - Até 2030, aumentar substancialmente o número de jovens e adultos com competências relevantes, incluindo competências técnicas e vocacionais para o emprego, empregos decentes e empreendedorismo” e “Meta 4.a - Ambiente Escolar - Construir e melhorar as instalações de educação orientadas à criança, à deficiência e ao género e fornecer ambientes de aprendizagem seguros, não violentos, inclusivos e eficazes para todos - Eletricidade - Internet - Computadores ”, cada um medido pelos respectivos Indicadores 4.4.1 e 4 dos ODS. a.1. que apresentam dados que tornam visíveis aqueles que são mais vulneráveis.
A Millennium@EDU SUSTAINABLE EDUCATION sente-se extremamente honrada por fazer parte deste projeto que orienta os países no sentido de atingirem as suas metas.”


O Prof. Mohamed Ould Amar, Diretor Geral da ALECSO, afirma que, desde o início do surto de COVID-19, a ALECSO mobilizou todas as suas capacidades técnicas para contribuir para enfrentar o impacto desta pandemia. Lançou várias iniciativas, incluindo a sua iniciativa de e-learning em resposta ao encerramento de escolas e interrupções na educação nos países árabes. Trabalhou, em conjunto com seus parceiros, para fornecer as mais recentes plataformas online e ambientes digitais para ministérios e instituições de educação árabes, a serem usados para fins de aprendizagem / educação online. Também realizou cursos de formação especializada para professores árabes sobre como operar as plataformas educativas fornecidas por esta iniciativa, como usar ferramentas de e-learning e como projetar conteúdos educativos digitais e disponibilizá-los na web.

Acrescentou ainda que a ALECSO tem o prazer de cooperar com seus distintos parceiros, “Millennium@EDU SUSTAINABLE” e “jp.ik – Inspiring Knowledge”, para a implementação de uma iniciativa de doação de dispositivos informáticos à Mauritânia, Comoros e Djibuti, com vista a apoiar os seus esforços no combate ao impacto da pandemia através da utilização de ferramentas e sistemas modernos de e-learning.
Além disso, o Prof. Mohamed Jemni, Diretor de TIC da ALECSO, afirma que este projeto cria uma oportunidade única para muitos alunos, especialmente os alunos desfavorecidos, de se beneficiarem e praticarem a educação online nesses países.

Orgulhosos do trabalho que foi desenvolvido e implementado no ano passado, a Intel, a jp.ik, a Millennium@EDU e a ALECSO continuarão o compromisso de trabalharem pelos objetivos de desenvolvimento sustentável e acesso à educação digital.
 

https://www.groupjp.com/pt/newsdetail/jpik-intel-donativos/

https://www.groupjp.com/en/newsdetail/jpik-intel-donations/

https://www.groupjp.com/es/newsdetail/jpik-intel-donations/